7 Mulheres revelam quais foram os exercícios que as ajudaram a transformar suas vidas

Decidir começar a se exercitar e cortar todos aqueles vícios alimentícios que estão nos fazendo mal parece fácil. Mas se comprometer e realmente fazer isso acontecer é outra história. 

Só que tem muita gente que consegue, muita mesmo!

Claro, qualquer mulher que conseguiu vai te dizer que o caminho não foi fácil, foi cheio de tentações e dificuldades. 

Pensando nisso, conheça essas 7 mulheres que transformaram os seus corpos e sua saúde, e saiba quais foram os exercícios necessários para chegar lá!


1. "Eu comecei a correr e perdi 22kg."

Antes de ir para a faculdade, Mary Arnold, agora com 37 anos, estava em boa forma. Mas a morte de seu pai antes da sua graduação no Ensino Médio mexeu muito com ela. 

Ela começou a beber para lidar com a situação e, quando se deu conta, já havia perdido o controle sobre isso. Logo, ela estava com 90 kg, e parte disso era culpa das 10 a 12 cervejas que ela bebia todas as noites, e também da sua dieta baseada em frituras.

"O peso foi chegando devagarinho, e eu sempre usei roupas muito largas e soltas, e então nem fui notando. Minha cabeça estava em outro lugar, eu não havia percebido que quase já não cabias nas minhas roupas."



Mary vivia em um apartamento no topo de um prédio, e se deu conta que subir as escadas estava ficando cada vez mais difícil. 

"Eu acabava pedindo mais tele entrega e saindo menos, pela dificuldade que eu tinha com as escadas. Mas em uma manhã, eu me dei conta que eu não conseguia enxergar meus pés quando ficava de pé, e vi que era hora de fazer uma mudança."

Mary decidiu dar uma chance à corrida. 

"Eu me lembrava que corria nos esportes no colégio e gostava disso. Eu comecei a correr no meu quarteirão o mais rápido que pude e voltava sem ar. Mas eu comecei a fazer isso de novo, e de novo, e de novo, e coloquei mais um quarteirão na rota."

Ela continuou correndo, e eventualmente criou um plano de corrida para 5 dias na semana, mais um dia de cross-training.

"Eu perdi 5kg rapidamente, e o resto veio mais devagar". Depois de um ano e meio, Mary já tinha perdido 22kg. "A maioria das pessoas não notou logo de cara, pois eu sou alta, mas mesmo os resultados não sendo super visíveis no início, a habilidade de correr mais e mais e com mais conforto aconteceram rapidamente."


2. "Eu mudei o meu foco da magreza para a força."

Antes de começar a se exercitar, Courtney Collins, de 30 anos, fotógrafa e gerente de estúdio do Queens, em Nova York, se considerava uma pessoa sedentária.

"O máximo de atividade que eu fazia era correr 20 minutos, duas vezes por semana, mas quando eu fazia aquilo, era para perder peso." Ela perdeu cerca de 10 kg dessa maneira, mas também desenvolveu vários hábitos nada saudáveis.

"Primeiro, eu queria perder um pouco de peso, e depois me dei conta que eu estava tentando tanto ser magra que estava fazendo as coisas ficarem piores do que estavam antes. Eu passava fome durante o dia e me descontrolava de noite. Decidi que precisava reajustar o modo que estava vendo meu corpo e não queria mais ser magra, queria ter músculos."

Primeiro, Courtney decidiu fazer menos cardio e começou a pesquisar como executar exercícios com pesos. "Eu me informava em revistas sobre exercícios com anilhas e reproduzia-os na academia. Esses exercícios me ensinaram a realmente focar na minha conexão entre mente e corpo.

Suas séries são de 15 a 20 repetições de 3 exercícios diferentes para cada grupo muscular, com um minuto de descanso entre cada série, e ela repete a série 3 vezes. "Eu gosto de não perder tempo na academia, e saio de lá, normalmente, em 45 minutos."

Depois de um ano, Courtney já via definição em seus membros superiores, e ela continua construindo seu corpo. E o melhor, sua performance melhora cada vez mais. "Eu notei uma grande diferença no meu trabalho. Quando eu estou fotografando um evento, como um casamento, consigo carregar 5kg de aparelhagem comigo por 8 horas tranquilamente. Eu consigo manter a carga e minha energia em alta. Me sinto muito mais saudável."


3. "Eu entrei para um programa fitness online e perdi 30cm de cintura."

Jen Cayer, mãe e dona de casa de 34 anos, de Hopkinton, New Hampshire, sempre se considerou ativa - até perceber que estava 24kg acima do peso, asmática e triste com a situação. 

"Eu fazia esportes no colégio, e sempre gostei de caminhadas e trilhas. No momento, eu estava matriculada em uma academia e fazia aulas de Zumba, mas as coisas não estavam funcionando do jeito que eu queria."



Quando ela viu uma foto sua em uma festa e não se reconheceu, Jen sabia que precisava fazer uma mudança. Então ela foi para a internet. "Uma amiga estava participando de um desafio de 90 dias, e as inscrições eram gratuitas. Eu conseguia fazer tudo em casa, recebia os exercícios prontos e demorava de 15 a 20 minutos, seis dias por semana. Tudo que eu precisava era de um par de pesos e força de vontade. O programa me fazia alternar entre cardio e exercícios de força, com o peso do corpo ou anilhas de 6kg. Eventualmente comecei também a caminhar 8km por dia, alguns dias da semana"

"Notei diferença depois dos primeiros 30 dias. Eu estava perdendo peso e medidas, tinha um equilíbrio melhor, e conseguia fazer todos os exercícios sem descanso, o que era uma grande mudança para mim."

Hoje, Jen já perdeu 20 kg e 30cm de cintura.


4. "Comecei a praticar Body Pump e corrida."

Jeanie Tinnely, de 22 anos, competia em corridas no colégio e na faculdade - e era uma das melhores. Mas depois que terminou a faculdade, começou a trabalhar em um restaurante como gerente, onde as longas horas e a grande responsabilidade de liderar uma equipe mexeram com ela. Logo, ela estava pesando 90kg. Então, depois de terminar um relacionamento de 9 anos e recomeçar sua vida sozinha, Jeanie chegou no momento da reviravolta da sua vida.

"Minha melhor amiga estava se casando, e o meu vestido de dama de honra era tamanho GG. Eu sempre amei meu corpo, mas nunca me dei conta de como ele havia mudado até que eu fui fazer compras. Eu usava um uniforme no trabalho, e só comprava calças maiores se necessário."

Jeanie decidiu começar a fazer aulas de Les Mills Body Pump três vezes por semana, e voltou a correr. "Eu fazia treinos intervalados em uma pista de corrida local uma vez por semana." Nos finais de semana, ela corria 15km ou mais. Depois de seis meses, ela foi do tamanho GG para o P.

Agora com 65kg, ela corre maratonas e lidera o grupo fitness de Nova York chamado November Project.


5. "Passei um verão inteiro fazendo trilhas."

Quando Brittney Kleinfelter, uma gerente senior de marketing digital de Lickdale, Pennsylvania, passou um ano viajando pelo mundo, ela ganhou 22kg. "Eu me cansava só de subir as escadas e sabia que algo tinha que mudar na minha vida."

Então, uma de suas melhores amigas acabou falecendo de ataque cardíaco, e ao mesmo tempo Brittney estava passando por um rompimento de relacionamento e começou um curso acadêmico enquanto trabalhava em tempo integral. "Eu precisava de uma fuga para o meu estresse, e preencher o meu tempo dessa maneira foi a saída."



"Eu havia lido Following Atticus, sobre um homem e seu cachorro que fizeram todas as 48 trilhas de um local chamado White Mountains durante o inverno, então comecei a seguir a mesma lista de trilhas e tinha um objetivo: fazer todas antes do inverno chegar." Não houve musculação, nada de cardio, nenhum plano - só Brittney, sua mochila e trilhas indo de 15 a 25km. Segundo ela, caminhadas longas no meio da mata fazem maravilhas tanto para o físico quanto para a mente.

Ela perdeu 9kg antes de Julho, e outros 13 entre Julho e o fim do outono. "Não demorou para as pessoas começarem a notar. Mesmo quando o peso não diminuía, os centímetros diminuíam." Logo, suas pernas estavam fortes, sua postura estava melhor e roupas que ela não usava em anos estavam servindo novamente.

"No início do verão, eu terminava uma trilha de 15km com muita dificuldade, mas ao final, eu facilmente terminava as trilhas mais longas e com inclinações. Eu eliminei 22kg e ganhei muita confiança e orgulho."


6. "Eu decidi que queria ter a capacidade de fazer flexão de braço."

Como CEO e co-fundadora do site Fit Bottomed Girls, Jennipher Walter, de 35 anos, sempre gostou de se exercitar e sempre esteve relativamente em forma, mas uma academia no estilo Cross Fit mudou o jogo para ela. "Uma colega me sugeriu que eu experimentasse uma academia chamada The Fit Pit."

"Era como Cross Fit, mas com exercícios mais longos e mais movimentos com o peso do corpo, e era realmente intenso. Eu dei uma olhada no site e fiquei totalmente intimidada." Demorou meses, mas Jennipher eventualmente conseguiu a coragem necessária para experimentar a aula. "Todos foram muito legais comigo, e foi muito bom sair da minha zona de conforto e me desafiar. Além disso, haviam muitas mulheres fazendo flexões, e isso me pareceu incrível. Eu queria fazer aquilo também."

Jennipher não voltou à The Fit Pit por meses - mas quando voltou, estava determinada. "Eu estava tão inspirada por aquelas mulheres fazendo flexões. Eu tinha novas ideias sobre o que era fitness, isso me mudou por dentro, acordou algo que queria treinar e trabalhar nisso e ficar cada vez melhor."

"Eu corria, fazia yoga, fazia Zumba, o que me desse vontade. Mas ir à The Fit Pit regularmente trouxe grandes resultados. Os exercícios no estilo HIIT incluíam força e cardio, e cada sessão era diferente. De acordo com a balança, eliminei 5kg, mas ganhei muito mais do que isso, pois fui de uma vida saudável para uma vida de atleta, extraordinária. Minha confiança na academia tinha ido à um nível que é difícil descrever. "


7. "Eu corri 12 corridas em 12 meses."

"Dois anos e meio atrás, eu estava 20 kg acima do peso, totalmente fora de forma, e ficava acabada de subir um lance de escadas", diz a comediante de 27 anos de Chicago, Illinois, Chlow Lewis. "Então, meu namorado de quase dois anos me traiu, e minha vida inteira implodiu."



Para seguir em frente, Chloe apostou no fitness. "Eu comecei a me exercitar não para voltar com ele ou perder o peso que ganhei com o período triste, mas para colocar para fora toda a raiva, ansiedade e frustração que eu sentia. Eu queria me tornar mais forte."

Para Chloe, isso significou participar de corridas de 5, 8 e 10km e triatlos. "Eu corri de volta para minha vida. Se eu me sentia ansiosa, nervosa ou triste, eu pegava os meus tênis ao invés de um pacote de bolachas, sorvete ou vinho, e saía de casa."

Um ano depois, ela havia perdido todo o peso ganho durante a relação, e se comprometeu em correr 12 corridas em 12 meses. "Era uma maneira de investir em mim mesma por um ano inteiro. Agora eu consigo correr 10kg sem parar e consigo finalmente ver o meu abdômen definido."

Mas a maior mudança para Chlow não é nem a mudança estética, e sim, como ela se sente mais forte! 

Fonte: FELLER, Alison. 7 Women Share the Workouts That Helped Them Transform Their Bodies. Available on http://www.womenshealthmag.com/fitness/workout-body-transformations. Viewed on fev 13 2017.

Um comentário:

Tecnologia do Blogger.