7 Ótimos motivos para comer chocolate amargo


O chocolate amargo é repleto de nutrientes e pode afetar a sua saúde positivamente!

Feito da semente da árvore de cacau, é uma das melhores fontes de antioxidantes do planeta.

Estudos mostram que o chocolate amargo pode melhorar a saúde e diminuir o risco de doenças cardíacas, por exemplo.

Conheça agora 7 ótimos motivos para você incluir o chocolate amargo na sua dieta.

1. Chocolate amargo é muito nutritivo

Se você compra chocolate com uma alta concentração de cacau, ele é muito nutritivo.




Ele contém uma grande quantidade de fibras solúveis e é cheio de minerais.

100g de chocolate amargo com 70 a 80% de cacau contém:
11g de fibras
67% das suas necessidades diárias de ferro
58% das suas necessidades diárias de magnésio
89% das suas necessidades diárias de cobre
98% das suas necessidades diárias de manganês
Também tem grande quantidade de potássio, fósforo, zinco e selênio.

Claro que 100g de chocolate é uma grande quantidade e não é algo que deve ser consumido diariamente, pois contém boa quantidade de açúcar e calorias.

Por essa razão, o chocolate é melhor consumido em pequenas porções de 30g diárias.

As gorduras presentes no chocolate amargo também são excelentes.

Também contém estimulantes como cafeína e teobromina, mas dificilmente isso vai te manter acordado à noite, pois as quantidades desses nutrientes não são tão grandes quanto no café, por exemplo.


2. Chocolate amargo é uma fonte poderosa de antioxidantes

O chocolate amargo tem muitos compostos orgânicos que são biologicamente ativos e exercem sua função como antioxidantes. Isso inclui polifenóis, flavonoides, catequinas, e outras.




3. O alimento pode ajudar a melhorar a circulação sanguínea e estabilizar a pressão arterial

Os flavanóis presentes no chocolate amargo ajudam a estimular o endotélio, o revestimento das artérias, a produzir óxido nítrico, que é um gás.

Uma das funções do óxido nítrico é mandar sinais para as artérias relaxarem, o que diminui a resistência ao fluxo sanguíneo e, consequentemente, reduz a pressão arterial.

4. Chocolate amargo regula o colesterol - Aumenta o HDL e protege o LDL contra oxidação

Consumir este alimento pode prevenir contra vários fatores que levam à doença cardíaca.

O cacau em pó diminui significativamente o colesterol LDL oxidado. Também aumenta o HDL e diminui o LDL total em pessoas com colesterol alto.

LDL oxidado significa que o LDL reagiu com radicais livres. Isso o torna particularmente reativo e capaz de danificar outros tecidos, como os revestimentos de artérias do coração.

Faz perfeito sentido que o cacau diminua LDL. Ele contém poderosos antioxidantes em abundância que entram na corrente sanguínea a protegem lipoproteínas contra danos oxidativos.


5. Chocolate amargo reduz o risco de doença cardiovascular

Os compostos presentes no chocolate amargo são altamente protetores contra a oxidação do LDL. 

Em longo prazo, acarreta em menos colesterol armazenado nas artérias e há menos risco de doença cardíaca.

Comer chocolate amargo duas vezes por semana diminui o risco de ter placas calcificadas nas artérias em 32%.

Leia também
O exercício que todas as mulheres deveriam incluir nos seus treinos
Alimentos para ganhar massa muscular
7 Segredos das mulheres que conseguem ir à academia todos os dias

6. Chocolate amargo ajuda a proteger a sua pele contra o sol

Os compostos bioativos presentes no chocolate amargo também são ótimos para a sua pele.

Os flavonóis protegem contra lesões causadas pelo sol, melhoram o fluxo sanguíneo, a densidade e hidratação da pele.

7. Chocolate amargo melhora funções cerebrais

As boas notícias ainda não acabaram! O chocolate amargo também ajuda a melhorar funções cerebrais!

O cacau melhora significativamente funções cerebrais em pessoas idosas com deficiência mental. Também ajuda na fluência verbal e controla vários fatores de risco para doenças.

O cacau também contém substâncias estimulantes como cafeína e teobromina, que podem ser a razão chave para a melhora das funções cerebrais a curto prazo.


Dicas finais!

Há considerável evidência que o cacau ajuda a melhorar várias funções no nosso corpo, sendo especialmente bom contra doenças cardiovasculares.

Mas é claro, isso não quer dizer que você deve sair consumindo grandes quantidades de chocolate todos os dias, pois é um alimento que contém muitas calorias e açúcar. Tente se manter com um máximo de 30g por dia.



Quando for escolher o seu chocolate, escolha o que tenha realmente qualidade e grande quantidade de cacau. Dê preferência para quantidades superiores a 70% de cacau. Quanto mais cacau, menos açúcar.

Adaptado de Authority Nutrition


 
 

2 comentários:

Tecnologia do Blogger.