Obsessão por exercícios não é o melhor caminho para a perda de peso

Você pode estar se puxando muito na academia e até fazendo duas atividades por dia para entrar em forma, mas um estudo recente mostrou porque a atividade física em excesso pode não estar te ajudando a chegar no seu objetivo. 

O estudo, divulgado no periódico Current Biology, revelou que aqueles que levam a academia ao extremo podem estar perdendo o seu tempo.

Pesquisadores da Universidade de Nova York estudaram as rotinas de exercícios e gastos de energia diários de mais de 300 homens e mulheres, e imediatamente começaram a notar a diferença. Aqueles que participavam de rotinas diárias de exercícios - caminhada para o trabalho, academia de 3 a 5 vezes por semana - queimavam aproximadamente 200 calorias a mais do que aqueles que levavam uma vida sedentária. 

Enquanto os sedentários gastavam a menor quantidade de energia do grupo estudado - e, portanto, não diminuía de peso (até ganhavam em alguns casos) - o outro extremo da atividade física também teve notícias ruins.

Para aqueles que levavam a atividade física ao extremo e gastavam mais do que o recomendado de horas por semana praticando atividade física, as sessões a mais de exercícios não fizeram diferenç no total de calorias queimadas e peso perdido.

"O percentual de gordura corporal e intensidade da atividade física aparentemente regulam a resposta metabólica à atividade física", explica o condutor da pesquisa, Herman Pontzer, PhD. Isso quer dizer que o seu corpo se acostuma à quantidade de exercício que você está fazendo e, por causa disso, a perda de peso cessa. A chave para sair desse evento é maximizar toda a sua rotina, e a perda de peso se resume em um cuidadoso equilíbrio entre dieta e atividade física.

Atividade física sozinha não te ajuda inteiramente a perder peso, revela o autor da pesquisa. Ao invés disso, a combinação de exercício e dieta focada na perda de peso são a chave do sucesso.

"Há muitas evidências de que exercício é importante para manter o corpo e a mente sãos, e esse estudo não quer alterar essa ideia", diz Dr. Pontzer. "O que nossa pesquisa sugere é que é realmente importante focar na dieta, e não há necessidade de exagerar nas atividades físicas."

Um comentário:

  1. nem precisava falar uma coisa dessas, o meio termo é a resposta

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.