Os 15 alimentos veganos com maior quantidade de proteína


Se você tem uma dieta vegetariana ou vegana deve estar cansada de várias coisas, como:
- ouvir as pessoas te perguntando da onde você tira a proteína na sua dieta; 
- explicar que existem outras fontes desse nutriente na natureza além das animais!

A natureza está cheia de fontes de proteína, e essa lista de alimentos abaixo está aí para provar disso! Excluindo a proteína, em comparação com as carnes, a lista abaixo de alimentos possui uma quantidade ainda maior de nutrientes e minerais, tornando-os muito saudáveis.

Segue lista com 15 alimentos veganos mais ricos em proteínas, feita pelo site El Hombre:

Todas as quantidades de proteínas relativas aos itens mencionados abaixo foram retiradas de dados da United States of Department Agriculture (USDA) e condizem à porção de 100g. As exceções estão devidamente destacadas. Lembrando que, segundo a ANVISA, a recomendação de ingestão diária de proteína é de 75g.


1- Ervilha

Essa planta detém uma quantidade interessante de proteínas. Contém 5,42g do nutriente, mais do que o leite, por exemplo. Se você não gosta dela do jeito tradicional, pode fazer pasta ou sopa para acompanhar com pães e um bom vinho.

2- Chia

Ela é uma das sementes mais nutritivas que existem – ainda mais quando o assunto é proteína: são 16,54g. Se quiser força e resistência também, não hesite em incluir a chia na sua dieta.

3- Feijão

Não é surpresa para ninguém que o feijão é uma excelente fonte de proteína. Dependendo do tipo de feijão, a quantidade do nutriente varia um pouco. O preto e o vermelho oferecem um pouco mais de proteína, e a leguminosa tem cerca de 8g quando cozida. 

4- Grão de Bico

Mais uma vez, em estado cru, o alimento oferece uma quantidade muito alta de proteína, 19,30g, mas quando cozido o número cai para 8,86g. Também existe a opção de usar o grão de bico como farinha, e como não há a necessidade de cozinhar o alimento, a quantidade de proteína permanece alta (22,39g). Além disso, o grão é muito rico em outros nutrientes como magnésio e potássio, por exemplo.

5- Gergelim

A semente possui 17,73g e, mais uma vez, a farinha apresenta uma quantidade do nutriente absurdamente alta – 40,32g a versão parcialmente desengordurada.

6- Semente de Girassol

Mais potente do que o gergelim, a semente de girassol fornece 20,78g de proteína e a farinha parcialmente desengordurada proporciona 48,06g. Você pode utilizar a semente nas saladas, fazer patê, inventar cookies ou simplesmente comer crua!

7- Tofu

O famoso substituto do queijo para os veganos é outra ótima opção de fonte de proteínas. A quantidade do nutriente vai variar com o tipo e a forma de preparo. Para esse fim, a melhor forma parece ser o frito, que oferece 17,19g. Como algumas opções da lista (se não todas, vai da sua criatividade), o tofu é bem versátil, e você pode utiliza-lo como um tipo de carne, para acompanhar sopas, saladas, rechear pizzas, usar como queijo e inúmeras outras possibilidades.

8- Quinoa

Depois da chia, esse é o grão que mais contém proteína em sua estrutura – são 14,12g (quando cozida a quantidade cai para 4,40g). É também uma ótima opção por conta da versatilidade que oferece. Você pode acrescentá-la à sopa, aos molhos, ás frutas, à salada e etc.

9- Nozes

Qualquer noz terá uma boa quantidade de proteína, mas as mais interessantes nesse quesito são: amêndoa (21,15g), pistache (20,27g) e castanha de caju (18,22g). O que é realmente válido é fazer um mix desses frutos, assim você consegue obter de cada um deles o melhor que têm para oferecer.

10- Edamame

Esse alimento é a soja verde, ainda dentro da vagem. O edamame vem congelado do supermercado e seu preparo é facílimo: basta deixa-lo em água fervente por 3 minutos. Ponto. Depois é só comer sem casca. O grão fornece 10,88g e também pode ser aproveitado de outras formas, como massa e patê, por exemplo.

11- Cânhamo

Não encontramos as informações nutricionais do cânhamo no site da USDA. Mas o health.com afirma que a semente oferece 10g de proteína a cada 3 colheres de sopa. Agora as sementes que você fica catando na paranga já têm alguma utilidade.

12- Cacau em pó sem açúcar


O cacau em pó pode ser utilizado em pudins, bolos, mousses, brigadeiros ou em qualquer lugar que sua criatividade permitir. Sem limites. Ele vai te oferecer 19,60g de proteína. Nada mal.

13- Seitan


Ele é mais um substituto das carnes para os vegetarianos: reconhecido como “carne de glúten”, pois origina do glúten de trigo. O alimento contém grande quantidade de proteína. A farinha de glúten de trigo contém 75,16g do nutriente, então para sabermos quanto determinado seitan tem de proteína vai depender de quanto dessa farinha ele levar. Mas, acredite, terá bastante proteína. 

14- Spirulina


A spirulina é uma cianobactéria que fornece minerais, vitaminas e, claro, proteína. Desse último nutriente são 57,47g com a spirulina seca. A forma mais comum para venda é em cápsulas.

15- Soja


E, por fim, o mais óbivo: a soja. Existem milhares de forma de consumi-la e cada maneira vai trazer uma quantidade diferente de proteína para seu organismo. Só cuidado para não exagerar, pois quem faz dieta vegetariana normalmente costuma abusar desse item.

6 comentários:

  1. Excelente matéria, porque mulheres malhadas são livres para escolherem o seu estilo de vida e querem resultados ótimos :p

    ResponderExcluir
  2. informações maravilhosas

    ResponderExcluir
  3. Seria bom se colocasse a quantidade do produto é da proteína que tem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas anônimo, na descrição de cada alimento tem a quantidade de proteína que eles possuem! Dá uma lida!

      Excluir
    2. A quantidade do produto eh de 100 gramas para todos .. Cada um tem uma qmtidade em 100gr.

      Excluir

Tecnologia do Blogger.