10 Perguntas e respostas sobre a Yoga


1- O que é yoga?
Yoga ou ioga, significa controlar, unir. É um termo de origem sânscrita, uma língua presente na Índia, em especial na religião hinduísta. Yoga é um conceito é uma filosofia, que trabalha o corpo e a mente, através de disciplinas tradicionais de quem a pratica.
Yoga é relacionada ao budismo e ao hinduísmo, com práticas como exercícios e meditação para trabalhar a parte física e também a mente. Existem diversos ramos do yoga, como a raja-ioga, carma-ioga, jnana-ioga, bacti-ioga e hata-ioga, e cada uma delas possui ações e atividades diferentes para trabalhar com os indivíduos.
Yoga é uma filosofia de vida que tem sua origem na Índia, há mais de 5000 anos, e atualmente é conhecido não apenas como uma filosofia de vida, mas também como sistema holístico que trabalha o corpo e a mente ao mesmo tempo. A yoga trabalha as emoções, ajuda as pessoas a agir de acordo com seus pensamentos e sentimentos, além de trazer um profundo relaxamento, concentração, tranquilidade mental, fortalecimento do corpo físico e o desenvolvimento da flexibilidade.

2- Quantos tipos de yoga existem e qual é o mais comum?
Há mais de 100 tipos de Yoga reconhecidas no Brasil. Entre os mais populares, destacam-se a Hatha Yoga, que engloba técnicas corporais, respiratórias e de relaxamento; a Bakti Yoga, de cunho religioso, a Jñana Yoga, que busca o autoconhecimento; a Raja Yoga, também chamada de “Yoga mental”; e a Tantra Yoga, que cultua a energia sensorial. Todos visam o equilíbrio entre mente, corpo e alma para atingir o Samadhi, que é a plenitude espiritual. Em vez de partir das diferenças entre as diversas linhas existentes da Yoga, torna-se mais produtivo e menos desgastante buscar as semelhanças entre elas, chegando a explicações mais coerentes. A semelhança entre essas modalidades é que todos buscam ampliar o estado de consciência dos praticantes, levando-os a conhecer melhor a si mesmo e ao mundo que os cerca. Todos esses sistemas nos treinam para experimentarmos o “Samadhi”, um estado de consciência extraordinário em que nos sentimos conectados a tudo, dando a percepção de que somos plenos, perfeitos e felizes! Ou seja, são estilos diferentes, mas com objetivos em comum.

3- Qual o diferencial do yoga em comparação com outras atividades?
A preocupação não somente com o trabalho físico, mas com os trabalhos mental e emocional também.

4- Se trocar a musculação pela Yoga, corre-se o risco de perder condicionamento e massa muscular? 
É provável que sim, a troca tende a fazer você perder volume muscular, já que a Yoga não oferece o trabalho repetido de tensão nos músculos, que é o que leva à hipertrofia. Mas seu condicionamento físico não necessariamente será prejudicado, pois a prática indiana trabalha força, flexibilidade e capacidade cardiorrespiratória - em intensidades diferentes dependendo do tipo de Yoga que você escolher -, além de deixar os músculos definidos. Entretanto, se sua meta principal é a hipertrofia, nenhum tipo de Yoga é indicado. A musculação, o treinamento funcional e a ginástica localizada (calistênia) com pesos são as soluções. 
Se a sua intenção é conservar ou continuar ganhando massa muscular, mas escapar da monotonia, uma alternativa é intercalar a Yoga e o treino com pesos ao longo da semana. Com isso, se consegue músculos maiores como você deseja, um corpo alongado e mais consciência corporal, e de quebra mais equilíbrio emocional e tranquilidade. 

5- Quais são os benefícios do yoga?
Como a Yoga visa buscar o equilíbrio entre o corpo e a mente pela atividade física, esta pode trazer muitos benefícios, já que favorece o equilíbrio e o funcionamento do metabolismo e proporciona relaxamento.
A Yoga tem papel fundamental para que a pessoa consiga mudar efetivamente seus hábitos e seu estilo de vida, pois trabalha o estado emocional. Além de mexer com a parte emocional, os exercícios estimulam as funções dos órgãos, resultando numa maior disposição.
A prática ajuda sobretudo no funcionamento do intestino, no sistema glandular (tireoide e hipófise), na flexibilidade do corpo e no fortalecimento muscular. A Yoga é muito positiva para os distraídos, pois se exige que o aluno preste atenção em cada movimento. Trata-se de uma filosofia de vida que busca o autoconhecimento. A melhora de concentração e do foco são consequências naturais dessa prática. Assim como a autoestima e controle da ansiedade, pois proporciona uma visão mais positiva e tranquila da vida, principalmente por meio da meditação e técnicas de respiração.


6- O que notamos de diferença em nós após iniciar a yoga?
Em um primeiro momento, percebe-se claramente a desaceleração dos batimentos cardíacos, o relaxamento do corpo e uma melhor execução das respirações. Com o tempo, sempre respeitando os limites do próprio corpo, a flexibilidade e o equilíbrio vão aparecendo, assim como a força e a resistência musculares.

7- É verdade que a yoga faz bem para o corpo e para a alma? 
Sim. Ele trabalha nos planos consciente e inconsciente. Vamos absorvendo a cada prática, qualidades das posturas que vão sendo integradas a nossa personalidade, modificando nossos padrões de comportamento e, consequentemente, tudo ao nosso redor.

8- Ele auxilia na recuperação de quem sofre algum tipo de lesão ou sente dor?
A yoga certamente auxilia na recuperação de quem tem qualquer tipo de lesão ou sente dor, desde que tenha recomendação médica para praticá-lo. do.

9- Qualquer pessoa pode fazer yoga? Existe limite de idade?
Sim, qualquer pessoa pode praticar a yoga. É importante ter o cuidado de buscar profissionais capacitados e que possam adaptar as aulas de acordo com as necessidades e possibilidades de cada pessoa.

10- Dá para praticar Yoga em casa e obter bons resultados? 
Se você possui uma boa consciência corporal e já conhece a prática, pode, sim, optar por fazer Yoga sozinha. Nesse caso, comece com posturas básicas e exercícios que trabalham respiração e concentração - só invista em posições mais avançadas quando se sentir preparada para isso. Uma boa saída é intercalar as aulas na academia ou estúdio com sessões em casa. Dessa maneira, você aproveita o acompanhamento de um professor para tirar dúvidas e se aperfeiçoar, evitando possíveis erros. 



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.