Conheça o Slackline, esporte que chega a queimar 200 calorias por hora

O slackline, esporte sobre uma fita, surgiu no final da década de 70, nos Estados Unidos, e invadiu as praias e parques do Brasil nos últimos anos. Ele consiste, basicamente, em se equilibrar em cima de uma corda, que é amarrada e bem esticada de um ponto à outro.

E engana-se quem pensa que a prática tem conquistado só esportistas! Famosos, como a atriz Sheron Menezes e as gêmeas do nado sincronizado, Bia e Branca Feresse, já foram fotografadas praticando a malhação sobre a “corda bamba”. Em parques também é comum ver pessoas praticando o slackline como passatempo.

Neste esporte, a pessoa se equilibra em uma fita que varia de 25 a 50 metros, presa em dois pontos fixos de ancoragem. Para quem está começando a praticar, indicamos deixar a fita a uma altura máxima de 1 metro e em lugares onde o solo absorverá o impacto, como areia e gramado, para evitar a tensão em cima do concreto. Se você usar árvores como ponto de apoio para a fita, certifique-se de que a planta irá aguentar. Não sentiu tanta segurança no início? Colchões ou colchonetes no chão podem ajudar a amenizar as quedas.

O material básico para a prática do Slackline, além da fita e de duas estruturas fixas, é uma catraca (vendida em lojas especializadas de produtos esportivos), que ajuda a tensionar a fita e fornecer elasticidade para que se ande sobre ela.

A italiana Sara Kugler ganhou o 3º lugar em um campeonato realizado em 2011 que reuniu atletas de slackline do mundo todo na Alemanha, conta que, apesar da dificuldade em permanecer em cima da fita e de manter o equilíbrio ao começar a praticar o slackline, o esporte é para todas as idades. Com um pouco de prática, todo mundo pode conseguir! É muito divertido, é para quem gosta de experimentar coisas novas, e para quem ama atividade ao ar livre. Vale a pena tentar!

Modalidades

Com o grande número de praticantes, a modalidade ganhou novas vertentes:

Waterline: é a prática do esporte sobre a água (pode ser em um rio, lago ou até mesmo uma piscina);

Trickline: a pessoa executa manobras, como giros e saltos, em cima da fita. Hoje em dia é a modalidade mais praticada no mundo do slackline;

Yogaline: é uma vertente mais zen da modalidade. Posições de ioga são realizadas em cima da fita;

Highline: considerado um dos níveis mais difíceis de todos, essa alternativa é praticada a 20 metros do chão;

Longline: é a vertente inicial para quem quer fazer highline. Normalmente, é considerado longline quando a fita passa dos 30 m de distância. 



Os benefícios do esporte 

Com o slackline, você exercita grande parte dos músculos do corpo e exige muito das panturrilhas, coxas, do abdômen e ombro. O esporte também ajuda a trabalhar a respiração, o equilíbrio e a concentração. Uma hora de malhação sobre a fita pode exterminar 200 calorias.

Dicas para praticar o esporte:

Prefira roupas confortáveis, que não limitem os movimentos do corpo.

Procure apoiar a sola inteira dos pés na fita e olhar para um ponto à frente, para ajudar na concentração.

Deixe os braços abertos até a altura dos ombros para garantir equilíbrio.

Fonte

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.